quinta-feira, 2 de junho de 2011

CPI discute mudança no Conselho da Pessoa com Deficiência


CPI discute mudança no Conselho da Pessoa com Deficiência

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Acessibilidade discutiu em reunião ordinária nesta terça-feira mudanças a serem realizadas no Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência. O órgão, criado há 21 anos com a função de supervisionar políticas públicas, foi representado por Gersonita Pereira de Souza.

Para os vereadores, uma mudança na lei que instituiu o conselho seria a única forma de atender as demandas apresentadas por Gersonita, como o fato de a ação do grupo ser limitada por faltar representantes do poder público — o órgão possui 14 membros, sendo sete suplentes, que contemplam diferentes deficiências físicas e intelectuais.

De acordo com o vereador Paulo Frange (PTB), a atual composição do conselho é herança do regime militar, e, como outros, foi criado "quando a população reclamava muito". Para ele, é importante incluir também no debate engenheiros, médicos e outras entidades profissionais de áreas relacionadas à acessibilidade.

(31/05/2011 - 16h20)

Fonte: Câmara Municipal de São Paulo

Esperamos que essas mudanças sejam feitas dando direito total a participação dos cidadãos e cidadãs, esperamos que essa mudança não torne o conselho mais uma extensão do gabinete do prefeito onde os cidadãos e cidadãs pouco tem acesso.

MOVIMENTO INCLUSÃO JÁ

Um comentário:

serumdeficiente disse...

Porra, fiquei indignado o que querem fazer com o conselho municipal da pessoa com deficiência aqui de SP, nós estruturamos, nós demos forma para médicos e entidades tomarem conta. Médicos que só sabem dizer pra nós que não temos a capacidade de andar, entidades que nos trancam como bichos, com certeza a Irmandade da Pessoa Deficiente lutará contra...pois o que conquistamos um bando de preconceituosos não podem tomar. O vereador Paulo Frange (PTB), não sabe o que esta dizendo, vou votar nulo porque é a única coisa que nos resta. O segmento não pode ficar de mãos atadas, ou nossa luta será em vão.

Vamos exercer a nossa cidadania e eliminar os maus políticos da vida publica, ESSE PODER É NOSSO

Somos 45 milhões de brasileiros cidadãos e cidadãs com algum tipo de deficiência sem ter nossos direitos respeitados. Quem esta preocupado e trabalhando de verdade por essa população? Até Quando vão continuar nos ignorando? Para que servem as Leis Federais se os próprios governos as desrespeitam? Porque o Decreto 5.296 de 2004 não foi e não é cumprido? Senhores mandatários do poder hoje nós somos os abandonados amanhã pode ser os senhores!!!! Vamos exercer a nossa cidadania e eliminar os maus políticos da vida publica, ESSE PODER É NOSSO

Postagens populares

Movimento Inclusão Já

Loading...